Contato via e-mail

Cancelar

Saiba quais são os documentos necessários para o seu financiamento imobiliário

Quando você compra um imóvel, sendo casa ou apartamento novo ou usado é possível financiá-lo. Esses financiamentos são feitos por bancos que realizam o pagamento para o dono do imóvel ou construtora e a partir daí você paga diretamente ao banco.

Ter o imóvel próprio é o sonho de muitos. Atualmente, isso está cada vez mais comum por conta das facilidades que o crédito imobiliário é capaz de te oferecer.

Diversos bancos oferecem financiamentos. Suas diferenças estão nas condições de pagamentos, como por exemplo, as taxas de juros que serão cobradas, além da duração de contratos e o valor do imóvel que poderá ser financiado.

Quando há a escolha de um deles, é necessário se direcionar até uma agência para então dar início a liberação do crédito imobiliário.

Para que o processo seja feito com facilidade, evitando qualquer tipo de problema, é necessário que toda a relação de documentos para o financiamento imobiliário seja entregue.

Neste artigo você irá entender quais são os documentos necessários para financiar o seu imóvel.

Aqui você irá encontrar ainda:

  • Entenda o processo de financiamento imobiliário
  • Documentos exigidos para o financiamento imobiliário
  • Documentação necessária para financiamento de imóvel novo
  • Financiamento imobiliário com FGTS
  • Como declarar renda para financiar um imóvel?
  • Por que contar com uma construtora qualificada?

Entenda o processo de financiamento imobiliário

O financiamento imobiliário tem como principal função realizar o pagamento de um imóvel em diversas parcelas.

Elas podem ser fixas, mas isso pode mudar a medida em que as parcelas vão sendo pagas.

As instituições financeiras (bancos) realizam o processo de acordo com o perfil de cada consumidor. Para que isso seja possível, os interessados no imóvel precisam se encaixar nas regras de concessão de crédito.

Quando se trata de pessoa física, as instituições consideram os seguintes fatores:

  • Você já teve ou ainda tem o nome negativado?;
  • Suas contas são pagas em dia?;
  • Qual sua média salarial?;
  • Quanto tempo você tem de registro na carteira?.

Se você deixou de pagar suas dívidas recentemente, não será possível obter um bom crédito, pois já existe um histórico negativo em seu nome.

Quando se trata de empresas (pessoa jurídica), os bancos analisam os balanços patrimoniais e o fluxo de caixa.

Documentos exigidos para o financiamento imobiliário

Uma das fases mais importantes do processo de financiamento imobiliário é a entrega dos documentos.

Se trata de uma quantidade expressiva de papéis que são imprescindíveis para que o processo esteja de acordo com as normas exigidas.

Caso não estejam, todo o processo de financiamento imobiliário pode ser interrompido e até mesmo cancelado. Por isso, você precisa estar atento a relação de documentos para financiamento imobiliário.

Veja quais são eles:

Pessoa física

  • RG;
  • CPF;
  • Certidão de nascimento ou de casamento;
  • Comprovante de renda atualizado;
  • Certidão conjunta de débitos de tributos federais.

Pessoa jurídica

Se é a sua empresa que deseja financiar um imóvel, os documentos obrigatórios são:

  • Contrato Social ou Estatuto Social atualizado com as recentes alterações contratuais e estatutárias;
  • Certidão Negativa de Débitos com o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social);
  • Certidão de Quitação de Tributos Federais (CQTF);
  • Certificado de Regularidade do FGTS (CRF).

Documentação necessária para financiamento de imóvel novo

Se você deseja financiar um imóvel novo, precisa estar ciente de que mesmo sendo o primeiro dono, há uma série de documentos que a casa ou apartamento que você deseja comprar deve ter.

Veja quais são eles:

  • Registro de título de propriedade;
  • Certidão negativa de ônus reais;
  • Certidão negativa de IPTU;
  • Registro de ações reipersecutórias e alienações;
  • Registro de pagamento do TCA;
  • Averbação da construção no Cartório de Registro de Imóveis;
  • Alvará de utilização ou “Habite-se”;
  • Planta baixa;
  • Certidão enfitêutica;
  • Opção de compra e venda devidamente preenchida;
  • Anotação de Responsabilidade Técnica (ART) do engenheiro responsável pela obra.

A relação de documentos é, de fato, extensa, porém é de suma importância para garantir que você está fazendo a aquisição de um imóvel atendendo todas as normas exigidas.

Leia também:

Financiamento imobiliário com FGTS

Já pensou em financiar a sua casa ou apartamento próprio utilizando o seu FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço)? Isso é possível!

Com o seu Fundo de Garantia, você consegue adiantar e até mesmo usá-lo como complemento das parcelas para a aquisição de uma propriedade para uso exclusivo residencial, podendo ser urbano ou rural.

Se você deseja utilizar o FGTS para financiamento do seu imóvel, é necessária a apresentação das seguintes documentações:

  • Extrato datado, carimbado, atualizado e original do FGTS expedido por uma agência da Caixa Econômica Federal;
  • Comprovante de residência atualizado (últimos três meses);
  • Cópia da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS);
  • Cópia da última declaração do Imposto de Renda (IR);
  • Se você for casado, será preciso apresentar também a última declaração do IR do cônjuge.

Como declarar renda para financiar um imóvel?

As instituições financeiras exigem, entre as documentações necessárias, o comprovante de renda e endereço, além dos documentos pessoais e documentação do imóvel.

O comprovante de renda é exigido para que você prove que tem a capacidade de realizar o pagamento do financiamento e ainda define o valor que pode ser disponibilizado para você.

Nesses casos, se considera a renda familiar bruta. É importante lembrar que a prestação mensal do imóvel financiado não pode ultrapassar 30% da renda familiar.

A forma de comprovar renda pode ser diferente de acordo com cada banco. Porém, existem os métodos mais comuns como holerite, decore e extrato bancário.

De acordo com a época do ano, o imposto de renda pode estar desatualizado, por isso, outros documentos podem ser exigidos.

O holerite é entregue pela empresa que você atua e tem como finalidade comprovar o pagamento realizado pelos seus serviços prestados.

Para o financiamento, você deve apresentar seus últimos três holerites. Isso é importante para que o banco tire a média ponderada para chegar na renda atual.

Já o decore é necessário para quem solicita uma linha de crédito e não possui uma carteira assinada como os profissionais liberais e autônomos. Sua emissão é realizada por um contador.

O extrato bancário também é uma alternativa caso você não se aplique em nenhuma das outras opções. A instituição de crédito imobiliário irá solicitar os extratos dos últimos três meses e também servirá para apontar a média de renda mensal.

É muito importante que haja atenção na coerência entre os comprovantes, como por exemplo, se a movimentação dos extratos confere com a declaração do imposto de renda.

Por que contar com uma construtora qualificada?

Antes de comprar o seu imóvel, é preciso conhecer bem a empresa intermediadora que você está negociando.

É importante buscar por referências e conhecer os serviços que já foram prestados pela construtora, afinal, nada melhor do que uma empresa experiente no mercado para que o seu sonho seja realizado.

Agora que você já sabe quais são os documentos necessários para o financiamento imobiliário, você já pode providenciar a papelada e ter a chance de ter o seu bem.

Lembre-se: se trata de um processo burocrático e pode demorar um pouco mais do que o esperado, mas é a forma de realizar uma negociação tranquila e qualificada.

Quer saber ainda mais detalhes sobre os documentos necessários para o seu financiamento imobiliário e conhecer o financiamento direto com a construtora?

Gostou do nosso artigo? Então compartilhe nas suas redes sociais e assine nossa newsletter para continuar por dentro das novidades do blog.

Compartilhe:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Canais de venda

                       canal de venda dos imoveis são paulo Canal de vendas 11 3181 6082
corretor e atendimento online Atendimento Online
                       atendimento via whatsapp Atendimento por Whatsapp Atendimento por Whatsapp
                           atendimento venda imóveis por e-mail Atendimento E-mail

Fique por dentro!

Assinando nossa newsletter você fica por dentro de tudo que acontece com os nossos projetos e recebe todas as dicas do nosso blog em primeira mão.

Online
E-mail