Logística reversa contribui para crescimento sustentável da construção civil

Prática adotada pela Tarjab desde 2013 contribui para redução de custos, diminuição da geração de resíduos, além de contribuir para […]

Por
Em 20 de julho de 2022

Prática adotada pela Tarjab desde 2013 contribui para redução de custos, diminuição da geração de resíduos, além de contribuir para reciclagem de materiais nos canteiros de obras

 

Por Redação Radar Imobiliário

 

 

A Tarjab, incorporadora e construtora com 38 anos de atuação no mercado imobiliário de São Paulo, atua de forma consistente em práticas sustentáveis em diversas frentes. Uma delas é a Logística Reversa, que faz parte da Política Nacional de Resíduos Sólidos, e tem por objetivo criar métodos de coleta e reaproveitamento de resíduos da construção civil. Aplicando a metodologia desde 2013 em seus canteiros de obras, a Tarjab comprova o comprometimento e engajamento em ações sustentáveis que contribuem para o desenvolvimento sustentável da incorporadora.

 

Para Sergio Fernando Domingues, Diretor Técnico da Tarjab, mais do que uma questão de redução de custo, no descarte de materiais, “a logística reversa remete a uma qualificação de empresa que visa estar aderente aos valores e comportamentos da sociedade atual, que serão cada vez mais mandatórios do ponto de vista de obrigação empresarial, bem como de sua contribuição para o bem comum”.

 

Coleta Seletiva no tapume do empreendimento Tarjab Refuge Bosque da Saúde

Ainda de acordo com o Diretor Técnico da Tarjab, a produtividade está muito ligada a questão do desperdício, que também está relacionada à sustentabilidade. “É necessário potencializar as práticas sustentáveis já incorporadas no canteiro de obras, não só em todo processo construtivo, mas, também com a saúde e bem-estar das atividades dos nossos colaboradores no refeitório, vestiários e canteiro”, ressalta.

Em se tratando de Logística Reversa, o executivo destaca que a Tarjab possui uma série de indicadores de controle de geração de resíduos orgânicos, recicláveis e de entulhos que alcançam 82,21% de valorização e reciclagem dos resíduos nas obras finalizadas. “Sem contar com o reaproveitamento de água de chuva (em lava-rodas de caminhões, banheiros com tratamento de água do lavatório para os sanitários), utilização de luz solar (telhas lumínicas) e lâmpadas LED nos canteiros de obras”.

Domingues também destaca a importância de contar com parceiros e fornecedores que atuam na destinação correta de resíduos da construção civil e cita alguns materiais utilizados nas obras que estão dentro da metodologia de Logística Reversa. “A sustentabilidade está no nosso DNA e contar com parceiros que vão ao encontro do mesmo ideal é fundamental. São fornecedores de blocos de alvenaria, que deixam uma caçamba na obra e coletam os pedaços para reutilizar em futuros blocos, de paredes de drywall, que depois de retiradas voltam para a fábrica, sendo processadas para a produção de novas placas de gesso acartonado”.

Além disso, a Tarjab utiliza manta acústica de borracha reciclada, entre a laje e o contrapiso das unidades. Uma solução sustentável que contribui com o descarte correto de pneus de borracha que foram reciclados e transformados em contrapiso.

O executivo finaliza reforçando que a sustentabilidade, além de fazer parte dos valores da Tarjab, está inserida na conscientização de contribuir com o meio ambiente. “Se tivermos cada vez menos desperdício nos canteiros de obras, consequentemente, teremos redução de recursos naturais que estamos consumindo e seremos muito mais eficazes e eficientes na produção de nossas obras, e poderemos repassar essa eficácia para o cliente final, deixando mais acessível a compra do imóvel”, finaliza.

 

 

Publicado originalmente em  Portal Radar Imobiliário.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.